ACEITA UM CHÁZINHO?
CLICA NA JAPONZINHA

Ainda é Tempo

Ainda é tempo...
De se olhar no espelho
Sorrir pra si mesmo.
Admirar-se
Como uma criança
Que descobre o mundo
Alimentar-se do Espírito
Dar graças
Pelo milagre de cada segundo
Agradecer
Por estar vivo.
Ainda é tempo
De amar-se mais
Acreditar que tudo é possível
Que há Um Deus Invisível
Capaz de mover os mares
Só pra Cuidar de você.
(Sirlei L. Passolongo

4 comentários:

  1. Olá Selma
    Mais um poema lindissimo, muito sentido de Sirl L. Passolongo.
    Beijinho

    ResponderExcluir
  2. Que os seus caminhos permaneçam sempre iluminados, para que você possa continuar a iluminar também aqueles que têem o privilégio de trilhar com você um trecho desta longa jornada chamada VIDA! bj

    ResponderExcluir
  3. Olá madrinha Selma,um bonito poema
    Bom fim de semana para ti e Trigrinho,a Kika anda muito triste por ele nunca mais foi ao blog dela, ela diz que os passeios na praia lhe fizeraão mal....
    Turrinhas da Kika e beijinhos meus
    Graça

    ResponderExcluir
  4. Selma,meu abraço neste início de semana!Lindo poema e imagem bem escolhida.

    ResponderExcluir