ACEITA UM CHÁZINHO?
CLICA NA JAPONZINHA
Meus riscos e rabiscos


Entre o sol,a lua e as estrelas,há também uma sombra

um pouco de silêncio,pensamentos que vão além,

mas que voltam rapidamente em forma de poesia,

de riscos e rabiscos,sentem,temem,

se protegem no cantinho de meu silêncio,

pertubado,condenado,mas por vezes com grande fúria,

se enlança como uma lança a ferir todo meu ser...

Minha lágrima ,meu sorriso,minha ira,

meu limite que não se limita,só explora,me condena,

por fazer o que não fiz...

Mas porque deixar para trás toda esta candura que me empurra,

me arrasta,me machuca,me suavisa,me inspira,

os meus riscos e rabiscosque se tornam por ventura

tudo o que quisera ser...

São meus traços,meus embaraços,meus compassos,meu prazer,

que me levam a caminhos que sempre quisera pertencer...

Mas que mera ilusão minha,fantasias que não são minhas,

mas que julgam a meu viver....

E de volta ao meu silêncio,que não se explica,não se entende,

mas que me prende entre grades, que só eu sei o porque...

Há quem me dera que é nestes traços,nestas sombras que me encontro,

me entendo ,me eleva,me abriga , me consola e me ilumina,

nos meus traços,nos meus compassos,

a vontade de viver junto ao sol e as estrelas....

autora:Selma


10 comentários:

  1. Gostei depassar por aqui.
    Um beijo

    Um beijo e o meu deserto


    DESERTO

    Vou caminhando pelo deserto
    Ando e ando e é só areia...
    Areia, areia e nada mais...
    Estou cansada...
    Os meu lábios estão secos...
    Muito secos...
    E eu no meio do deserto...
    Só te queria ter...
    Para beijares os meus lábios...
    E me tirar a sede...
    E espero-te para acalmar...
    A minha ânsia....
    A minha sede...
    E o meu desejo...
    Desejo louco de te ter...
    De te poder tocar...
    E finalmente ser feliz...

    LILI LARANJO

    ResponderExcluir
  2. Gostei depassar por aqui.
    Um beijo

    Um beijo e o meu deserto


    DESERTO

    Vou caminhando pelo deserto
    Ando e ando e é só areia...
    Areia, areia e nada mais...
    Estou cansada...
    Os meu lábios estão secos...
    Muito secos...
    E eu no meio do deserto...
    Só te queria ter...
    Para beijares os meus lábios...
    E me tirar a sede...
    E espero-te para acalmar...
    A minha ânsia....
    A minha sede...
    E o meu desejo...
    Desejo louco de te ter...
    De te poder tocar...
    E finalmente ser feliz...

    LILI LARANJO

    ResponderExcluir
  3. Amiga, estou retribuindo a sua amável visita ao meu humilde cantinho, é sempre uma alegria enorme ver chegar mais uma amiga. Adorei o seu blog, um espaço lindo e de extremo bom gosto, irei acompanhar com imenso prazer.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  4. Selma Querida
    Lindo e comovente.
    Bem-haja
    Beijinho amiga

    ResponderExcluir
  5. Bom dia Selma!
    Brindo a uma amizde longa entre nós. Olha vc leva jeito viu para poesia. Acredite. Eu já sou sua seguidora. Pode me ver na sua lista. Obrigada pela visita e boa sorte!!
    Carla Fernanda

    ResponderExcluir
  6. Selma
    Coisas bonitas fazem grandes momentos
    Obrigada pelo carinho

    ResponderExcluir
  7. Amiga já levei o selinho e coloquei no meu cantinho especial "SELINHOS - Presentes dos AMIGOS".
    Muito obrigado pelo seu carinho
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  8. Oi
    Amiga Selma
    obrigada pelo mimo
    da páscoa
    estou indo lá ver seu poema
    bjs

    ResponderExcluir
  9. Selma, obrigado pela visita e com certeza vou seguir também.
    Gostei desta linda página, bem como este maravilhoso poema, pois são dos silencios as lindas inspirações.
    Um abraço, bjs.

    ResponderExcluir
  10. Lindo texto, onde palavras bailam e nos comovem.

    mil beijos e adorei conhecer vc, espero q volte sempre!

    ResponderExcluir